LIONS CLUBE DO RIO DE JANEIRO
Mater Clube do Brasil
Fundação : 16 / 04 / 1952 - A.I.L.C. 3140-016542 – Distrito LC-1
Sede Própria : Rua Alcindo Guanabara 24 / 1113
Rio de Janeiro – RJ - Brasil – cep 20038-900 - Telefax (21) 2240–3286
Utilidade Pública Municipal  – Lei 892 de 12/08/1957
Utilidade Pública Federal – Lei 5.575 de 17/12/1969

 
- Instrução Leonística -
60 ANOS DO LIONS CLUBE DO RIO DE JANEIRO
e do leonismo brasileiro

 

    No dia 16 de abril de 1952, Armando Fajardo trouxe para o Brasil a filosofia leonística de prestação de serviços voluntários à sociedade através da fundação do Lions Clube do Rio de Janeiro. Nesta mesma época ocorria um furor de nascimentos de Lions Clubes em todo o mundo. Cidades grandes, médias e pequenas agrupavam seus líderes em Lions Clubes locais e começaram a trabalhar por suas comunidades.  A palavra de Melvin Jones, fundador da Associação Internacional de Lions Clubes, se propagava aos quatro cantos do mundo: "Você não pode ir muito longe enquanto não começar a fazer algo pelo próximo". Esta afirmação se tornou o princípio condutor das pessoas com espírito de serviço voluntário, humanitário e desinteressado em autopromoção e lucro pessoal. Alguns anos depois, o leonismo se firmou como a maior organização de serviços voluntários do mundo, cuja dimensão perdura até hoje. 

    De Armando Fajardo para cá, uma geração se passou. O Lions Clube do Rio de Janeiro, que já teve mais de 300 associados nos anos 60, hoje tem em média 15 associados, que pela nossa experiência, significa a passagem do modismo para a estabilidade de uma equipe comprometida. É natural que a administração global da nossa organização se interesse pelo quantitativo de associados, mas é o clube que tem o dever de reunir o capital intelectual. Nossos associados são empresários, médicos, psicólogos, professores, magistrados e advogados, alguns destes aposentados e todos comprometidos com a “missão do Clube”. 

    Atualmente a humanidade passa por transformações no interelacionamento pessoal, empresarial e governamental devido a internet. As redes sociais Facebook, Orkut, Linked-In e outros assemelhados, realizam os desejos das pessoas terem muitos amigos por quase todos os temas. O presidente de Lions Internacional Wing-Kun Tam tem promovido sabiamente a família no Lions Clubes através do programa Lions Quest  para jovens e adolescentes. Para as famílias é muito seguro promover seus filhos em atividades de relacionamento social através dos Lions Clubes, que oferece uma espetacular rede de relacionamentos de alto nível com grandes oportunidades para o crescimento dos atributos pessoais dos jovens através de realizações altruísticas. 

    Mais do que nunca, o mundo corporativo está interessado em investimentos de responsabilidade social, pois tem consciência que seu próprio desenvolvimento é interdependente ao da comunidade. O altruísmo é um instrumento que torna as pessoas e corporações mais aptas para a evolução de si mesmas. Temos que estar atentos que líderes são como Leões e não se acham em profusão. Os profissionais liberais, os empresários, o funcionalismo, mesmo se aposentados, são exigentes quanto à disponibilidade do seu tempo e querem eficácia nas ações do clube em que são associados para se manterem  interessados no leonismo. 

    Neste aniversário de 60 anos, o Lions Clube do Rio de Janeiro agradece e parabeniza a todos os Lions Clubes do Brasil pela perseverança de manterem acesa a filosofia leonística em seus corações e mentes. Vamos em direção ao futuro com a consciência que somos importantes para o desenvolvimento das pessoas, das comunidades, do país e do mundo.  

   MENU PRINCIPAL